home / blog / Dia do Meio Ambiente: Com incentivo do Verdescola, prefeito de São Sebastião oficializa Área de Proteção Ambiental Baleia Sahy

Dia do Meio Ambiente: Com incentivo do Verdescola, prefeito de São Sebastião oficializa Área de Proteção Ambiental Baleia Sahy

Cerimônia acontece no dia 05/06 na sede do Instituto Verdescola; ONG também promove Semana do Meio Ambiente online.

Nesta sexta-feira, 5, o prefeito do munícipio de São Sebastião, Felipe Augusto, assina o decreto que regulamenta o Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental (APA) Baleia Sahy, como forma de celebrar o Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado na mesma data. A cerimônia acontece na sede do Instituto Verdescola – com a participação restrita de pessoas a fim de evitar aglomerações em tempos de pandemia.

A APA foi criada em 2013 com o esforço da iniciativa civil e contou com o apoio do Instituto Verdescola desde então. O projeto nasceu do interesse de proteger a rica biodiversidade da costa sul de São Sebastião, no litoral norte de São Paulo. Como Unidade de Uso Sustantável é possível promover o turismo ecológico bem como atividades de conscientização.

O Instituto Verdescola adiciona o fator educacional à proposta e leva seus alunos para plantar, recolher lixo, monitorar a água, entre outras ações de preservação. A APA funciona com uma administração compartilhada, uma cogestão entre o poder público e o privado.

Nesta semana, o Verdescola também iniciou, em parceria com o Instituto Conservação Costeira (ICC), a Semana do Meio Ambiente online. Assim, vem desenvolvendo atividades, concursos e podcasts com o intuito de levar o assunto à população local e ampliar a discussão. O tema deste ano é a Mata Atlântica, bioma amplamente prejudicado pelo desmatamento.

A própria organização da Semana do Meio Ambiente vem de um empanho do Verdescola para preservar a natureza. As atividades idealizadas são parte da tentativa de incluir a população nesse esforço e ajudá-la a sair de uma situação de vulnerabilidade e, ao mesmo tempo, construir um desenvolvimento sustentável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

COMO APOIAR